Buscar

Salada de Feijão Frade com atum

Compadre Toni

Mais uma comidinha rápida que além de almoço também dá um bom petisco, nos meses de verão.


Eu não venho aqui inventar a roda de novo, mas há receitas tipicas que tem caído em desuso e esta é também uma delas, com as possibilidades que hoje temos de outros temperos e adicionar outros produtos, podemos tornar a receita diferente e por vezes mais saborosa e apetitosa.


É o caso sa Salada de feijão Frade, que outrora até nas tabernas havia como petisco, há uns anos com as modernices tambem o feijão Frade caiu em desuso, sendo no entanto um produto que se cultiva em Portugal desde a ocupaçäo dos romanos, atualmenteo o cultivo concentra-se mais na região do Alentejo.


Cá o Compadre Toni como alentejano de gema não podia deixar cair o Feijão Frade ou Feijão Fradinho como nossos irmãos brasileiros tambem lhe chamam, no esquecimento e umas cinco ou seis vezes por ano, está na minha mesa.


É uma receita muito simples e rápida, para os meses de verão, começe por cozer os ovos, e deixe arrefecer, coloque numa saladeira o feijão necessário bem lavado e escorrido (eu utilizo daquele já cozido em frascos), pique bem picadinhos um ou dois dentes de alhos, conforme o gosto, um raminho de coentros ou salsa tambem conforme o gosto, adicione ao feijão. Entretanto abra as latas do atum e deixe escorrer, descasque os ovos e corte em pedacinhos, junte os ovos e o atum ao feijão Frade, descasque uma maçã rija e pique em pedacinhos pequeninos quase do tamanho do feijão, pique umas algas Salicórnias e adicione, tempere com pimenta, azeite do bom e vinagre. Mexa tudo cuidosamente, verifique os temperos. Se vir que a salicórnia não deu o paladar suficiente de sal adicione umas pedrinhas de sal grosso, torne a mexer tudo com cuidado para não ficar umas papas.


Meta no frigorifico para ficar tudo bem fresquinho, ao servir coloque umas azeitonas por cima e um pouco de coentros ou salsa picada. Se gostar pode adicionar um pouco de cebola picada


Bom apetite.



1 visualização