Buscar

Paulo Cafôfo é o novo Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas

Ex-autarca do Funchal substitui Berta Nunes no Ministério dos Negócios Estrangeiros, que será liderado por João Gomes Cravinho


Lusa / TPP



O antigo presidente da Câmara Municipal do Funchal e ex-líder do PS/Madeira, Paulo Cafôfo, vai ser secretário de Estado das Comunidades Portuguesas do XXIII Governo Constitucional, sucedendo a Berta Nunes. O Presidente da República aceitou a lista de 38 Secretários de Estado proposta por António Costa para o XXIII Governo, da qual faz parte o madeirense.


Paulo Cafôfo, de 51 anos, é licenciado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Professor de profissão, foi docente em várias escolas da Região Autónoma da Madeira.


Foi eleito presidente da Câmara do Funchal em 29 de setembro de 2013, altura em que concorreu como cabeça de lista independente pela coligação que integrava PS, BE, o Partido da Nova Democracia, MPT, PTP e PAN, com 39,22% dos votos.


Em 01 de outubro de 2017, foi reeleito como presidente do município do Funchal pela coligação Confiança (PS, BE, JPP, PDR e Nós Cidadãos), com 42,05%.


Paulo Cafôfo também foi presidente da Associação de Municípios da Região Autónoma da Madeira e da Confederação dos Municípios Ultraperiféricos.


O autarca renunciou ao mandato de presidente da Câmara do Funchal em junho de 2019 para ser o candidato indicado pelo PS à presidência do Governo Regional da Madeira, perdendo as eleições para o PSD.

Paulo Cafôfo foi eleito presidente do PS da Madeira em julho de 2020, mas renunciou ao cargo depois do mau resultado do PS na região nas últimas eleições autárquicas.


A Secretaria de Estados das Comunidades Portuguesas continuará sob tutela do Ministério dos Negócios Estrangeiros, que será liderado por João Gomes Cravinho, que havia tido até agora a tutela da Defesa Nacional.

Diplomata, professor universitário, Ministro da Defesa Nacional desde outubro de 2018, tendo substituído Azeredo Lopes, João Gomes Cravinho sucede a Augusto Santos Silva no cargo de Ministro dos Negócios Estrangeiros.


No plano governativo, João Gomes Cravinho exerceu as funções de Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação entre 2005 e 2011, durante os dois Governos liderados por José Sócrates.

No XXIII Governo Constitucional e ainda sob a tutela do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Francisco André regressa como secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, enquanto Bernardo Cruz é o novo secretário de Estado da Internacionalização. A Secretaria de Estado dos Assuntos Europeus mudou de tutela, deixando de estar sob os Negócios Estrangeiros e ficando sob alçada direta do primeiro-ministro, António Costa.


16 visualizações