Buscar

BKM ajusta oferta de soluções de poupança e financiamento imobiliária

PT Post


A Bausparkasse Mainz, instituição que conta com vários portugueses a trabalhar na sua rede de representação, apresentou um novo plano de poupança para crédito imobiliário, designado “PlusLine”. Esta tarifa “PlusLine” tem duas variantes – “HausPlus” e “ZinsPlus” – e, segundo nota de imprensa da instituição “eleva o tema da poupança imobiliária a outro nível.


A nova oferta considera juros no financiamento imobiliário de 0,99% e montantes de reembolso flexíveis, naquilo que é uma resposta às alterações do comportamento e estilo de vida dos consumidores, especialmente em tempos de crise. Apesar das incertezas e dificuldades, continua a observar-se um grande apetite pela aquisição de imóveis, numa perspectiva de construção de património que garanta uma maior segurança no futuro. O desejo de tornar-se propriedade é reforçado pelo momento de juros baixos e traduz-se em 1,8 milhões de pessoas a fecharem contratos de poupança-financiamento imobiliário na Alemanha anualmente. O momento de mercado traduz-se no desempenho desta instituição bancária que, depois de ter tido um bom ano de 2020, mesmo no contexto de pandemia, apresenta 14% de crescimento homólogo no primeiro trimestre de 2021, tanto nas operações de poupança como de financiamento.

Esta nova oferta surge no momento em que operação desta instituição bancária em Hamburgo, liderada por Mário Viana, assinalou este mês um ano do novo escritório de atendimento.O novo espaço de 250 m2, localizado na Hammer Landstr. 2, conta com áreas comuns, espaços de atendimento, salas de aconselhamento individual de clientes, salas de reuniões e de formação, afirmando-se como o maior escritório do banco de financiamento imobiliário na Alemanha e merecendo um elogio generalizado de clientes e directores sobre as condições que oferece. A necessidade de mais salas de atendimento individual reflecte o crescimento de clientes com maiores volumes de negócio, que exigem confidencialidade acrescida.


O novo escritório previa já o alargamento da equipa de trabalho. Conforme planeado, Mário Viana contou ao PT Post que empregou no último ano um colaborador em regime de formação profissional (Auszubildender), e que agora passou a integrar os quadros da sua equipa.


4 visualizações