Lusodescendentes tornam-se estrelas em série de televisão do Canadá

O projeto da comunidade portuguesa Atlantes, no Canadá, está a preparar uma série de televisão em que as estrelas serão lusodescendentes, disse hoje à agência Lusa Terry Costa, da organização.

Esta iniciativa está incluída no Festival Atlantes, a nova denominação do projeto 'Orgulho em ser luso-canadiano', que pretende ainda incentivar portugueses e descendentes a viver fora de Portugal a investirem no país com a sua arte e realizar um documentário para ser distribuído em festivais internacionais e nas comunidades portuguesas em todo o mundo, com o apoio do Governo português e do governo regional dos Açores.

Segundo contou Terry Costa, também conselheiro das comunidades, “a série deverá ser rodada no Canadá, Estados Unidos e Portugal”.

“Queremos diversão, brincadeira, pessoas interessantes com histórias, amor e paixão, mas não só para as suas raízes, mas também que servir de aprendizagem, de aventura, para que possam experimentar algo diferente”, acrescentou o responsável.

A língua não será um problema, pois a série será falada em inglês, apesar de ter algumas partes em português. Uma das condições para participar é ter um avô/avó nascido em Portugal.

“Escalar o Pico, dar um mergulho com os tubarões nos açores, assistir à Festa da Flor na Madeira, esquiar na Serra da Estrela, descansar nas praias do Algarve, entre outros locais”, são algumas das referências que Terry Costa exemplificou para “mostrar Portugal ao mundo” nesta iniciativa.

As candidaturas para o primeiro casting do evento decorrem até ao dia 01 de março de 2014, no sítio oficial do festival em www.atlantestv.com.

A organização pretende que o candidato faça um vídeo com um máximo de 60 segundos, explicando porque se está a candidatar e porque deveria ser selecionado. Numa fase posterior, a produção irá visitar os semifinalistas nas suas cidades natal antes de tomar a decisão de escolher os finalistas.

A organização pretende candidatos de vários ramos profissionais, com o mínimo de 18 anos de idade, que vão poder visitar durante uma semana os seus familiares em Portugal com todas as despesas pagas, enquanto decorrem as filmagens.

Estão também já estabelecidas algumas parcerias com produtoras geridas por descendestes de portugueses, nomeadamente com a NineLink Solutions (Portugal), NPG Productions (EUA), e a Firvalley Productions (Canadá), acrescentou Terry Costa.

Kommentar schreiben

Kommentare: 0